A importância de divulgar a arte feita por mulheres

Desde os primórdios da história que o papel da mulher na sociedade foi colocado no espaço privado, sendo este o seu lugar de esfera de atuação e de relevância em que, devido à divisão sexual do trabalho, ficavam responsáveis pelas tarefas domésticas e pela prestação de cuidados no seio familiar enquanto que aos homens era entregue o domínio e a soberania do espaço público. Isto … Continue a ler A importância de divulgar a arte feita por mulheres

Portugal 21: 110 anos de feminismo

No vigésimo primeiro ano do vigésimo primeiro século, importa recordar os primeiros passos do feminismo em Portugal e qual tem sido o papel da mulher na política nacional ao longo do tempo. Destacamos três grandes figuras da nossa História recente: Carolina Beatriz Ângelo, Natália Correia e Maria Velho da Costa. Cada uma delas à sua maneira, lutaram para dar voz às mulheres em Portugal, abalando … Continue a ler Portugal 21: 110 anos de feminismo

Dia 25 de abril: A liberdade na educação

Hoje celebra-se o dia em que Portugal saiu de um período de ditadura que afetou o nosso crescimento e do qual ainda estamos a recuperar, mesmo que o que tenha vindo depois não tenha sempre representado uma grande ajuda a esse desenvolvimento. No entanto, tendo a corrupção presente, assim como outros crimes e cunhas à mistura, a eleição daqueles que nos representam é livre e … Continue a ler Dia 25 de abril: A liberdade na educação

As mulheres ocultas na arte: cinco artistas que tiveram a visibilidade negada

Na arte, as mulheres desempenharam, durante séculos, o papel de musa, suporte e ajudante do artista homem. Poucas foram as que se conseguiram dedicar à arte e ainda menos foram as que viram o seu trabalho reconhecido e valorizado. Nos últimos anos tem-se feito um esforço para mudar essa realidade, mas ainda estamos muito longe da igualdade. Antigamente, a arte , tal como o restante … Continue a ler As mulheres ocultas na arte: cinco artistas que tiveram a visibilidade negada

A contínua necessidade do feminismo nos dias de hoje

A desigualdade entre géneros é dos maiores desafios que o mundo enfrenta em matériade direitos humanos. Embora tenhamos vindo a assistir a um positivo reconhecimento dos direitos das mulheres ao longo das últimas décadas, a verdade é que a sociedade patriarcal e machista continua a tolerar e a exaltar a violência contra as mulheres, que continuam a sofrer absurdas injustiças pelo simples facto de serem … Continue a ler A contínua necessidade do feminismo nos dias de hoje

Dia Mundial da Rádio: A rádio em Portugal

Dia 13 de fevereiro assinala-se o Dia Mundial da Rádio, este que é um meio de comunicação ímpar pela forma, pela mensagem e pela capacidade de provocar mudanças sociais. O Dia Mundial da Rádio faz este ano o seu 10º aniversário desde a sua implementação pela UNESCO, em 2011. Tem por objetivo reconhecer o valor deste meio de comunicação de massa uma vez que a … Continue a ler Dia Mundial da Rádio: A rádio em Portugal

O Racismo Institucional em Portugal

Somos um país com uma história marcada pelo imperialismo e pelo colonialismo que fez ecoar até hoje as narrativas construídas com base neste passado. Segundo os teóricos da ideologia colonial, cabia à Europa a missão civilizadora de aproximar as populações indígenas da civilização Europeia Ocidental. Contudo, este mito surgiu de forma a tentar justificar a exploração, violência e genocídio sobre os povos dos países Africanos, … Continue a ler O Racismo Institucional em Portugal

Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto

Relembram-se hoje, dia 27 de janeiro, as vítimas dos ataques nazis e os seus colaboradores, “sob a sombra da pandemia de Covid-19”, realça António Guterres no seu discurso pela Organização Mundial das Nações Unidas (ONU). Em 1945 celebrou-se a libertação do campo Auschwitz-Birkenau. Para a construção de um mundo justo e solidário, importa conhecer e ensinar o Holocausto de modo a evitar os perigos de … Continue a ler Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto

O Monstro de Utøya: quase uma década depois

Já passaram nove anos e cinco meses, mas o mundo não esquece o horror daquele dia, 22 de julho de 2011. Falamos de Anders Behring Breivik, norueguês, na altura com 32 anos, e do seu plano macabro: primeiro, fez explodir uma bomba nas imediações da sede do governo norueguês, em Oslo, vitimando 8 pessoas e depois rumou à ilha de Utøya, onde massacrou mais 69 … Continue a ler O Monstro de Utøya: quase uma década depois

Há 40 anos Portugal perdera o seu Primeiro-Ministro, Francisco Sá Carneiro

Sá Carneiro foi um homem que ficou, não só na História do partido que fundou, o atual PSD, mas também na História do país, pelos seus princípios e pela morte inesperada que ainda hoje gera incerteza e leva à discussão. Francisco Sá Carneiro, natural do Porto, nascido a 19 de julho de 1934, licenciou-se pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa e dedicou-se ao … Continue a ler Há 40 anos Portugal perdera o seu Primeiro-Ministro, Francisco Sá Carneiro