Pente Fino: Carolina Guerreiro é a Coordenadora do NEC

Conhece a Coordenadora do Núcleo de Estudantes Católicos do ISCSP, Carolina Guerreiro! Natural da Amadora, mas sempre com os pés e coração na Brandoa, esta aluna do 3.º ano de Ciências da Comunicação conta-nos um pouco sobre si, as suas histórias e a sua fé.

Quem és? Como te descreves?

Chamo-me Carolina Guerreiro, tenho 20 anos, sou a segunda de quatro irmãos e faço parte do Caminho Neocatecumenal. Sou da 11.ª comunidade da Brandoa, sou sonhadora, empática e alegre. Quando tiver a minha própria casa, quero ter um porco e uma horta.

Porquê este curso? Foi a tua primeira opção?

Entrei em Geografia, mas não gostei. Mudei para Ciências da Comunicação, pois gostei sempre de comunicar. Adoro uma boa história e fazer perguntas.

Como surgiu o NEC na tua vida?

Eu encontrei o NEC no Instagram e comecei a ir às atividades.

O que é que os alunos podem esperar de ti enquanto coordenadora do NEC?

De mim nada, mas de mim e da equipa do NEC meramente como instrumentos do Senhor, podem contar com jovens sempre disponíveis para levar Jesus aos outros.

Sempre foi um cargo que ambicionaste?

Não, de todo! O NEC e a Missão País proporcionaram-me conhecer jovens incríveis, fazer amizades assentes no amor de Cristo e depois, sem esperar, apareceu o convite para ser coordenadora.

Missão País 2020

Quais são as características que fazem de ti uma boa coordenadora?

Quero começar por dizer que esta pergunta é tendenciosa. Eu simplesmente, arrisquei, e disse que SIM, a um convite do Senhor. “Vive para os outros e, enquanto depende de ti, procura que estes vivam mais felizes”, eu simplesmente, sirvo apoiada em Cristo.

Quais são os teus maiores interesses? Como é que ocupas o teu tempo?

Gosto muito de passear, de estar com os meus amigos e família, por exemplo, só a conversar em frente ao rio, em Belém. Gosto de ver filmes e séries.

Sendo o teu último ano de licenciatura, o que queres fazer quando acabares este ano?

Ciências da Comunicação é o início do meu percurso académico, continuarei a estudar, mas noutra área.

Onde te vês daqui a 5 anos?

Se Deus quiser e se for essa a minha história, vejo-me a acabar o mestrado.

Qual foi o momento que viveste, nestes últimos 3 anos, que recordarás para sempre?

Depois da Missão País, em 2020, em que estava toda “aleluiada” fui a Roma com o meu grupo de pós-crisma. Recordarei para sempre o que o Papa Francisco disse ao meu grupo: ” Jovens da Brandoa, espero que a visita aos túmulos dos Apóstolos Pedro e Paulo faça nascer nos vossos corações uma grande coragem para abraçarem a vossa cruz de cada dia e um vivo desejo para iluminarem com a esperança a cruz dos outros. Nisto podeis contar com as minhas orações, eu conto com as vossas”.

Escrito por: Rita Tavares

Editado por: Filipe Ribeiro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s