Filipe Duarte morre aos 46 anos

Na manhã desta sexta-feira, dia 17, morreu o ator Felipe Duarte devido a um enfarte de miocárdio. O ator participou em diversas novelas e filmes portugueses e tinha 46 anos.

Filipe Duarte nasceu a 5 de junho de 1973, em Huambo, Angola, quando esta ainda era uma colónia portuguesa. Estudou na Escola Superior de Teatro e Cinema de Lisboa e frequentou o curso de formação de atores do Instituto de Investigação e Criação Teatral.

No cinema, vimo-lo em obras como “O Milagre Segundo Salomé” de Mário Barroso (2004), “Coisa Ruim” de Tiago Guedes e Frederico Serra (2006) ou “Os Imortais” de António Pedro Vasconcelos (2003), e, mais recentemente em “Variações”(2019) de João Maia, onde interpretou o papel de Fernando Ataíde, dono da discoteca Trumps. “Nothing Ever Happened”, um trabalho de Gonçalo Galvão Teles, que se encontra em pós-produção, conta com o ator no seu elenco, um filme que irá ser lançado futuramente.

No pequeno ecrã, participou em séries como “A Ferreirinha” (2004) e “Equador” (2008), entre outras, e em novelas como “Fúria de Viver” (2002) ou “Belmonte” (2013). Recentemente teve participação na novela brasileira “Amor de Mãe” que está em exibição na SIC. Recentemente, participou na novela brasileira “Amor de Mãe”, que está a ser exibida na SIC.

O ator fez ainda dobragens de personagens como Tarzan do filme com o seu nome de 1999, Lord Farquaad do filme Shrek (2011) e Ned Flanders de Os Simpsons: O Filme (2007), entre outros.

Apenas para relembrar o que é esta doença da qual o ator sofrera, um enfarte do miocárdio é o nome técnico do chamado «ataque cardíaco». Este acontece quando uma ou mais artérias que irrigam o coração ficam bloqueadas, fazendo com que o coração não receba sangue e oxigénio nas quantidades de que necessita. A pessoa afetada tem de receber tratamento médico de imediato, caso contrário um enfarte do miocárdio pode ser a causa da morte, tal como aconteceu com o ator. Os sintomas mais comuns são uma dor em forma de aperto, sensação de peso ou pressão no centro do peito. A dor tende a passar para as costas, para o braço esquerdo, o maxilar ou o pescoço.

Como se poderá prevenir? Nada é garantido, mas ter uma alimentação saudável, ter hábitos saudáveis, praticar exercício, tentar relaxar, evitar uma sobrecarga de stress.

Escrito por: Rafaela Boita

Editado por: João Rego

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s