10 álbuns que fazem 10 anos em 2020

Muitas vezes referido como um dos melhores anos para a música, 2010 ficou marcado pelo lançamento de inúmeros álbuns, ainda presentes nas nossas playlists, e pela chegada à indústria musical de artistas como Drake, Bruno Mars e Tame Impala. Provavelmente lembrar-te-ás de algumas músicas mencionadas ao longo deste artigo. Bons tempos aqueles em que as partilhávamos através do bluetooth em formato mp3!

Kanye West – My Beautiful Dark Twisted Fantasy

My Beatiful Dark Twisted Fantasy, Kanye West

Considerado segundo a critica norte-americana o melhor álbum de 2010 e um dos melhores álbuns de hip hop de sempre, My Beautiful Dark Twisted Fantasy destaca-se pela sua produção épica, o que oferece ao álbum o sentido de único no tempo.

O website Pitchfork deu uma classificação de 91 em 100 a este trabalho. Neste estão incluídas algumas das músicas mais marcantes da carreira de Kayne West como Runaway, Devil in a New Dress, All of the Lights e Monster. 

Taylor Swift – Speak Now

Speak Now, Taylor Swift

Speak Now, o terceiro álbum de estúdio da cantora norte-americana, saiu no dia 25 de outubro de 2010 e inclui temas como Mine, Back to December, Mean e Ours. O álbum chegou ao número 1 em inúmeros países um pouco por todo o mundo, incluindo na Austrália e nos Estados Unidos da América. Speak Now foi o sucessor de Fearless, que ganhou o Grammy para Álbum do Ano em 2010, deixando para trás álbuns como The Fame de Lady Gaga e I… Am Sasha Fierce de Beyonce. Este foi o ultimo álbum puramente country de Taylor Swift. 

Drake – Thank Me Later

Thank Me Later, Drake

Thank Me Later foi o primeiro álbum de um dos maiores artistas da atualidade, do rapper Drake, e conta com colaborações com Nicki Minaj, Jay-Z, Lil Wayne, entre outros. O álbum foi recebido de uma excelente forma pela crítica, o que levou a diversas nomeações para álbum do ano e para melhor álbum rap do ano, nomeadamente para os Grammys e para os American Music Awards. Thank Me Later conta com músicas como Best I Ever Had, Miss Me, Up All Night e muitas mais.

Tame Impala – InnerSpeaker

InnerSpeaker, Tame Impala

InnerSpeaker é o álbum de estreia da banda australiana de rock psicadélico Tame Impala. O álbum possui um conjunto de 11 músicas, maioritariamente escritas e produzidas por Kevin Parker, e foi reconhecido como um dos 100 melhores álbuns desta década até agora pela Pitchfork. O álbum tem uma duração de cerca de 54 minutos. InnerSpeaker inclui sucessos como Solitude Is Bliss, Desire Be Desire Go e Why Won’t You Make Up Your Mind. 

Arcade Fire – The Suburbs

The Suburbs, Arcade Fire

Arcade Fire lançaram The Suburbs no dia 2 de agosto de 2010 e encontra-se no meio do indie rock, do art rock, do pop barroco, e do rock alternativo. Este álbum estreou-se na primeira posição em vários países como na Irlanda, no Canadá, nos Estados Unidos da América, no Reino Unido e também em Portugal. The Suburbs ganhou na 53ª gala dos Grammys Music Awards o galardão de Álbum do Ano, vencendo álbuns como Teenage Dream de Katy Pery ou Recovery de Eminem.

Two Door Cinema Club – Tourist History

Tourist History, Two Door Cinema Club

Marcando o inicio de longos anos de sucesso da banda irlandesa Two Door Cinema Club, Tourist History foi lançado no mês de fevereiro de 2010. Foi considerado o melhor álbum irlandês do ano e um dos melhores álbuns de estreia irlandeses de todos os tempos. O primeiro single deste projeto foi Something Good Can Work e foi lançado na internet em 2009. A banda irlandesa assinou com a gravadora francesa Kitsuné Music para o lançamento do seu primeiro álbumgravado em Londres, coordenado pelo produtor musical Eliott James.  

The Black Keys – Brothers

Brothers, The Black Keys

A dupla norte-americana de blues-rock e indie rock The Black Keys lançou o seu sexto álbum de originais, Brothers. Este álbum conta com 15 músicas incluindo os sucessos Tighten Up e Everlasting Light. Foi considerado pela critica norte-americana um dos melhores trabalhos musicais de 2010, sendo múltiplas vezes referido como o segundo melhor. Os The Black Keys foram nomeados para três prémios da Billboard Music Awards: Melhor Artista Alternativo, Melhor Álbum de Rock e Melhor Álbum Alternativo, para o álbum Brothers. O álbum venceu ainda o Grammy na categoria Best Alternative Music Album, bem como na categoria Best Recording Package, enquanto que a canção Tighten Up venceu o Grammy na categoria Best Rock Performance By A Duo Or Group With Vocals.  

Vampire Weekend – Contra

Contra, Vampire Weekend

Lançado no dia 11 de Janeiro de 2010, Contra é o segundo álbum de estúdio da banda nova-iorquina Vampire Weekend. Contra conta com 2 singles: Cousins e Giving Up The Sun.

Bruno Mars – Doo-Wops & Hooligans

Doo-Woops & Hooligans, Bruno Mars

Recebeu indicações para os Grammys de Álbum do Ano e de Melhor Pop Vocal Álbum. Doo-Wops & Hooligans foi o álbum de estreia do cantor norte-americano Bruno Mars. Este álbum foi extremamente bem recebido pelos críticos, chamando a Bruno Mars o futuro rei da música pop. No alinhamento deste projeto encontramos canções como Marry You, Grenade, Just The Way You Are, The Lazy Song, entre outras. Em Portugal, na sua semana de estreia, o álbum chegou à 6ª posição da tabela dos álbuns mais vendidos.

Justin Bieber – My World 2.0

My World 2.0, Justin Bieber

My World 2.0 é a segunda e última metade do primeiro álbum do cantor norte-americano Justin Bieber e inclui o êxito Baby que chegou à 5ª posição das tabelas norte-americanas.
Este trabalho de Justin Bieber esteve nomeado para o Grammy de Best Pop Vocal Álbum. 

Rihanna – Loud

Loud, Rihanna

Sucessor de Rated R, Loud, o quinto álbum de estúdio da cantora Rihanna, foi gravado em apenas 6 meses e tornou-se um dos pilares de como viria a ser a música pop da década dos anos 10. O álbum vendeu nos Estados Unidos da América cerca de 207 mil cópias na primeira semana, chegando à terceira posição da tabela Billboard 200. Em Portugal, Loud chegou à 10ª posição. Este álbum conta com algumas das músicas mais marcantes da carreira de Rihanna, como Only (Girl in the World), What´s My Name (colaboração com o rapper Drake), Man DownCalifornia King Bed. A cantora barbadense contou com 3 músicas (presentes neste album) a chegar à primeira posição da mais importante tabela norte-americana, a Billboard Hot 100: Only (Girl in the World), What´s My Name e S&M.

Este artigo de opinião é da pura responsabilidade do autor, não representando as posições do Desacordo ou dos seus afiliados.

Escrito por: Miguel Costa

Editado por: Júlia Varela

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s