One line flows, yeah, he got some of those: Skepta de volta a Portugal dia 30 de novembro

Joseph Junior Adenuga, aka Skepta, regressará a Portugal já no dia 30 de novembro, para um concerto em nome próprio, integrado na tour europeia, “SK Level“, no LAV – Lisboa ao Vivo. É a estreia do rapper britânico em Lisboa depois de ter atuado em agosto deste ano no Festival Vodafone Paredes de Coura e no ano passado no NOS Primavera Sound. Skepta chegou mesmo a ser anunciado em 2015 para o Festival Zona Não Vigiada, em Chelas, mas acabou por cancelar a sua presença. O porta-estandarte do Grime atua assim pela terceira vez em Portugal em menos de dois anos.

Bestival 2015 - Day 4

Skepta, irmão do também rapper JME e da locutora de rádio Julie Adenuga, começou a sua carreira como DJ dos Meridian Crew. Após a separação da banda, em 2005, Skepta e JME juntaram-se durante um período de tempo aos Roll Deep, banda que deu a conhecer, por exemplo, Dizzee Rascal. Mas o casamento não durou muito tempo, tendo em conta que em 2006, os irmãos tornam-se membros-fundadores da BBK (Boy Better Know), editora que os catapultou para as ribaltas do Reino Unido. Foi através da BBK que Skepta lançou a sua primeira mixtape, sob o nome “Joseph Junior Adenuga”. Em setembro de 2007, foi a vez do seu primeiro álbum, Greatest Hits, pela mesma editora.

Em 2009, Skepta edita o seu segundo álbum de estúdio, Microphone Champion mas foi dois anos depois que o seu sucesso atingiu grande parte do Reino Unido. Em 2011, Skepta lança Doin’ It Again, álbum que colocou três singles no Top 40 das músicas mais ouvidas em Inglaterra, com Rescue Me a ser o tema mais famoso, alcançando o 14ª lugar. O álbum por si só, manteve-se durante três semanas no Top 100 de álbuns ouvidos no Reino Unido.

Daí para a frente, Skepta não parou de subir. Depois de uns quantos singles lançados sem muito sucesso, em 2014 lança That’s Not Me, juntamente com JME. Esse single ganhou mais tarde o prémio MOBO (Music of Black Origin) para melhor vídeo, com Skepta a revelar a sua perplexidade ao dizer que o vídeoclipe lhe tinha custado cerca de 80 libras. No fim do ano de 2014, o rapper britânico lança It Ain’t Safe, com a colaboração de A$AP Bari e pouco depois de começar o ano de 2015, surge o seu tema mais conhecido: Shutdown. 

Aos poucos sabia-se que mais tarde ou mais cedo, iria surgir um novo álbum de estúdio. Em fevereiro de 2016, Skepta lançou Ladies Hit Squad, single que contou com as participações de D Double E e A$AP Nast. Em maio do mesmo ano, o britânico edita mesmo o seu quarto álbum, “Konnichiwa”, ainda sob a asa da Boy Better Know. O álbum teve um feedback bastante positivo, tornando-se no álbum mais do Grime, alcançando a segunda posição nos charts britânicos. O álbum contém muitos dos seus temas mais conhecidos como Man, Shutdown, That’s Not Me ou It Ain’t Safe.

Depois da tour “Banned From America” em 2016, seguiu-se a EP “Vicious EP”, lançada no verão de 2017 que conta com participações de A$AP Rocky, Lil B e Section Boyz. Skepta participou ainda num dos temas mais icónicos de 2018, Praise The Lord, original de A$AP Rocky, que se manteve em primeiro lugar na Billboard durante muito tempo.

Agora para o fim de 2018, Skepta anunciou a tour SK Level, que passará duas vezes por Londres, por Lisboa, por Espanha e por variadíssimos países do continente Europeu. Para Lisboa, está marcado o dia 30 de novembro, no Armazém 3 do Lisboa Ao Vivo. Os bilhetes já podem ser adquiridos, tendo um custo de 22€. Para mais informações, visitem o site oficial da tour.

Escrito por: Bruno André

Editado por: Cláudio Nogueira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s