Semana Académica de Lisboa 2018: Dia 16

Depois das Serenatas Académicas de dia 14 (segunda-feira), e do Arraial Académico de dia 15 (terça-feira), o verdadeiro início da Semana Académica de Lisboa (SAL) deu-se na passada quarta-feira, dia 16 de maio, no “novo” Salódromo, a Quinta dos Ingleses, em Carcavelos. A música invadiu o recinto da SAL um pouco mais tarde do que se esperava. Com Quim Barreiros, Holly Hood e Souza no cartaz do primeiro dia, a animação estava garantida.

O primeiro concerto estava agendado para as 21h30, mas o “Rei do Pimba”, Quim Barreiros, apenas entrou em palco por volta das 22h, embora nada disso tenha afetado os presentes. Como sempre, Quim Barreiros levou à euforia o público da SAL com temas como “Garagem da Vizinha”, “Chupa Teresa” ou “A Cabritinha”, alguns clássicos do seu reportório, mas houve ainda tempo para apresentar algumas músicas pertencentes ao seu novo álbum, editado neste ano de 2018, “O Meu Refogado”.

Depois de Quim Barreiros foi a vez do rapper da linha da Azambuja subir ao palco da SAL. Era o concerto mais aguardado da noite e Holly Hood fez por corresponder às expectativas. Entrou com o tema “O meu nome”, como que se apresentando ao público eufórico que se encontrava em Carcavelos. Logo de seguida, droppou um dos seus sons mais conhecidos “Qualquer Boda”, que conta com a participação do rapper Regula, que, no entanto, não se encontrou em palco. “Fácil”, “Ignorante” e “Cala a Boca” foram as músicas mais cantadas pelos presentes no concerto, que ainda contou com a presença de NoMoney em palco para o tema “Cartas da Justiça” e para apresentar o seu single do seu próximo álbum. Holly Hood terminou a sua atuação em Carcavelos com o tema “Cobras e Ratazanas”, que também puxou por grande parte do público. Antes de abandonar o palco, Holly Hood lançou uma farpa a Piruka (que atua hoje, dia 17, no mesmo palco) ao dizer “Já que estamos na Linha de Cascais, deixo-vos com um presente…”, abandonando o palco enquanto nas colunas tocava “R.I.P Holly Hood”, uma música feita contra Piruka.

Para terminar o primeiro dia da SAL em grande, o DJ Souza subiu ao palco para levar a Carcavelos o melhor da EDM, do techno e do trance. Foi por esta altura da noite que se notou a parte mais dançável do dia, com muita animação e euforia ao som de clássicos do Hip-Hop e não só. O tema eternizado agora pela série “La Casa de Papel” também marcou presença na SAL, com Souza a terminar a sua atuação com um remix eletrónico de “Bella Ciao”.

Para hoje, dia 17, estão escalados Pedro Garrido, HMB, Piruka e Mastiksoul, que prometem mais uma vez aquecer a noite em Carcavelos. O Desacordo vai lá estar e vai trazer-te os melhores momentos do segundo dia da Semana Académica de Lisboa. É isto que fica.

IMG_0995IMG_1000

Escrito por: Bruno André

Editado por: Daniela Carvalho

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s