Desporto AEISCSP: Vólei feminino entra a ganhar no Campeonato Universitário

Disputou-se na passada terça-feira, dia 21 de novembro, a primeira jornada da II Divisão do Campeonato Universitário de Voleibol, que opôs a AEISCSP à AEESELx (Escola Superior de Educação de Lisboa) e que teve lugar no pavilhão 2 do Estádio Universitário. As Iscspianas comandadas por Hugo Caldeira (atual treinador adjunto dos Juvenis do Benfica) fizeram uma exibição categórica, acabando por vencer a partida por 2-0.

Foram sete as jogadoras disponíveis para a primeira partida da II Divisão do Campeonato Universitário, sendo elas:

– Inês Ramos, Lena Prebelyuk, Rita Favinha, Rute Barroso, Rute Ferreira, Tânia Chernovovska e Tatiana Silva.

O jogo começou difícil para a equipa Iscspiana, que em menos de cinco minutos já se via a perder por 11-1. No entanto, a “remontada” chegou após se verificar um melhor entrosamento entre as jogadoras, naturalmente tardio para um conjunto que teve nesta terça-feira o seu primeiro jogo com o plantel 2017/2018. Assim que a partida ficou igualada nos 14 pontos, a equipa oriunda do Pólo da Ajuda não mais abrandou, cometendo ainda assim alguns erros que valeram pontos para as adversárias, mas conseguindo mesmo assim a vitória no primeiro set por 25-22 ilustrando o equilíbrio gritante que existiu por parte de ambas as equipas.

O segundo set foi mais controlado pela equipa Iscspiana, mantendo sempre uma vantagem de quatro ou mais pontos desde o início até ao fim, com muito menos erros cometidos, uma união nada normal para uma equipa relativamente nova e até mesmo com um toque de nota artística em alguns momentos de jogo. De referir também que a juíza do encontro cometeu alguns equívocos, principalmente a nível de faltas e de serviços ilegais, prejudicando por várias vezes as pupilas de Hugo Caldeira.

As jogadoras em maior evidência foram Rita Favinha, tendo conseguido obter seis pontos consecutivos através do serviço, Rute Barroso, mostrando que o “tomahawk” de Ronaldo também pode ser transposto para o Vólei, e Rute Ferreira, atleta que já vem do plantel do ano passado e que se mostrou a um nível altíssimo durante toda a partida. Apesar das valências destas três jogadoras, o colectivo sobressaiu ao individual, perfazendo uma exibição de luxo no geral, principalmente na segunda metade do encontro.

No fim da partida, o responsável da Associação de Estudantes do ISCSP para o desporto, Filipe Bruno, disse ao Jornal desacordo que o objetivo deste ano era “subir à I Divisão, visto que não o conseguimos por um triz no ano passado” e completou ainda dizendo: “esta equipa tem muita qualidade, ainda estão para chegar algumas jogadoras, mas tenho 100% de confiança nelas”.

Escrito por: Bruno André

Editado por: Daniela Carvalho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s