Um dia de terror em Nova Iorque

Após 16 anos de um dos maiores ataques terroristas cometido em solo americano, Nova Iorque volta a ser manchada com sangue de inocentes.

No passado dia 31 de Outubro, 8 pessoas morreram e várias outras ficam feridas devido a um ataque executado por um indivíduo natural do Uzbequistão. Trata-se de Sayfullo Saipov, de 29 anos. Vivia nos EUA há 7 anos, ao abrigo de um programa de imigração.

Saipov atropelou dezenas de pessoas com uma carrinha. Possuía uma arma de paintball e uma espingarda, que exibiu ao sair do veículo. Foi neutralizado e baleado pela polícia, encontrando-se neste momento internado.

As suspeitas apontam para mais um ataque ao serviço do Daesh, sendo que o próprio atacante foi ouvido a proferir as palavras ‘’Allahu Akbar’’ durante a prossecução do atentado. Entre as vítimas encontraram-se cinco turistas de nacionalidade argentina e uma vítima de nacionalidade belga, para além de americanos.

Donald Trump já condenou o ataque e prometeu ‘’apertar’’ com a entrada de estrangeiros nos EUA nos próximos tempos. A previsibilidade e prevenção deste tipo de ataques é um desafio para qualquer governo, pois muitas vezes são executados sem uma estratégia muito complexa, dando uso a objetos comuns do quotidiano, como é o caso do automóvel. A perpetuação de atos terroristas em nome do Islão não parece ter um fim à vista, continuando o sacrifício de pessoas inocentes, tanto no Ocidente como no resto do mundo.1509507250608

Escrito por: Andriy Voyevoda

Editado por: Daniela Carvalho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s