Série “House of Cards” termina após seis temporadas

screen-shot-2017-04-18-at-1-52-18-pm

O serviço de streaming Netflix anunciou, nesta segunda-feira, que “House of Cards” vai terminar na sexta temporada, horas após serem reveladas alegações de assédio sexual que envolvem Kevin Spacey, protagonista e produtor executivo da série.

A divulgação desta informação surgiu num momento em que  Spacey tornou pública a sua homossexualidade e foi acusado de assédio sexual, pelo ator Anthony Rapp, que afirma ter sido seduzido pelo protagonista da série quando tinha apenas 14 anos de idade. Embora Kevin Spacey se tenha desculpado publicamente, diz não se recordar deste comportamento.

23031129_1934384603254729_8221719396242547382_n

De acordo com a TVLine, a temporada que está a ser filmada desde o início de outubro, com a intenção de ir para o ar no ano de 2018, será a última da adaptação da minissérie britânica dos anos 90. Em comunicado, a produtora acrescenta que a decisão de acabar a série não é influenciada pelas acusações feitas a Spacey.

House of Cards”, que segue a história do casal Frank e Claire Underwood na ascensão ao poder na Casa Branca através de esquemas de chantagem e corrupção, está atualmente na quinta temporada e foi um dos primeiros grandes sucessos do Netflix, quando lançada em 2013.

Nas últimas semanas Hollywood foi atingida por várias queixas de assédio sexual e de comportamentos predatórios que ocorrem na indústria cinematográfica e que remontam a décadas atrás.

Escrito por: Andreia Neves

Editado por: Ricardo Marquês

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s