Portugal cai às mãos de Bravo

Bravo

Terminou, na passada quarta-feira, a participação da seleção portuguesa na Taça das Confederações. No desempate por grandes penalidades, o Chile superiorizou-se de forma evidente perante Portugal e conseguiu assim a passagem para a final da competição.

Durante os 90 minutos o jogo foi bastante equilibrado, com um número relativamente próximo de oportunidades para as duas equipas mas, no prolongamento (em especial na segunda parte), os chilenos mostraram uma capacidade física superior e estiveram muito perto de vencer o jogo sem recorrer aos pontapés da marca dos 11 metros, tendo enviado duas bolas seguidas aos ferros. Os campeões sul-americanos tiveram ainda razão de queixa de uma grande penalidade cometida por José Fonte, que não foi assinalada pelo árbitro.

Nos penaltis, o Chile não deu hipóteses, tendo convertido as primeiras três grandes penalidades, enquanto Claudio Bravo defendeu igual número de remates (Quaresma, Moutinho e Nani).

O Chile passa assim para a final da competição onde enfrentará o vencedor da outra meia-final, realizada dia 29, entre Alemanha e México. Já Portugal, vai disputar o jogo de terceiro e quarto lugar, no dia de 2 de Julho, contra a seleção que sair derrotada desse embate.

Escrito por: Pedro Chula

Editado por: Adriana Pedro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s