Está a chegar o “mata-mata”

1498472476_893528_1498472754_noticia_normal

Com o fim da fase de grupos da Taça das Confederações, chegou a hora de fazer um balanço do percurso das equipas que participaram nesta primeira fase da competição, de forma a antever os jogos a eliminar que estão para surgir.

Portugal venceu o grupo A com 7 pontos, os mesmo do México, que ficou em segundo lugar devido à desvantagem de golos que tinha em relação à equipa comandada por Fernando Santos. A Rússia, anfitriã da competição, e a Nova Zelândia ficaram pelo caminho da prova que reúne os campeões de cada continente, o campeão do mundo e o anfitrião da prova.

No grupo B, a Alemanha (que se apresenta neste torneio sem as suas principiais referências, privilegiando a evolução de novas promessas alemãs que estão a surgir) venceu o grupo com cerca de 7 pontos, tendo o Chile ficado no segundo lugar com 5 pontos. A Austrália e os Camarões, não se conseguiram superiorizar às outras equipas, tendo sido eliminados da competição.

Em relação às estatísticas do torneio, destaque para Timo Werner, Lars Stindl e Cristiano Ronaldo que, ao terem dois golos cada um, estão na luta pelo prémio de melhor marcador da Taça das Confederações. Em relação às assistências, Hector Herrera e Joshua Kimmich são os jogadores com mais assistências, tendo ambos duas. Portugal e Alemanha, foram as equipas que mais concretizaram as oportunidades de golo, registando cada seleção 7 golos. Por outro lado, a Nova Zelândia tem a pior defesa, com 8 sofridos, um registo que o selecionador Anthony Hudson não quer que aconteça numa futura competição que a sua equipa possa participar.

O primeiro jogo das meias-finais, será no dia 28 de junho, com o jogo entre Portugal e Chile, no Kazan Arena. Este jogo tem tudo para ser o jogo mais empolgante das meias-finais, porque ambas as equipas estão a ser representadas pelos seus melhores jogadores, perspetivando um jogo eletrizante. Num lado, a seleção das quinas, capitaneada pelo melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo, irá continuar a lutar e a tentar ganhar em busca de um troféu inédito, visto que esta é a primeira participação portuguesa na competição. Noutro lado, uma equipa do Chile, que tem como principais estrelas Arturo Vidal e Alexis Sanchez, não irá facilitar a tarefa da seleção portuguesa, pretendendo também chegar o mais longe possível na competição.

No outro jogo das meias-finais, a Alemanha irá defrontar o México no dia 29 de junho, um jogo que se vai realizar no Fisht Stadium. A seleção germânica, atual campeão do mundo de futebol, mesmo não apresentando os seus melhores jogadores, tem algum favoritismo na vitória, apesar de o México ser uma equipa difícil de vencer (há um ano que a seleção mexicana não sabe o sabor da derrota em competições oficiais).

Os vencedores destes dois jogos irão encontrar-se na final da competição, que será no dia 2 de julho, no Saint-Petersburg Stadium, enquanto que as equipas vencidas irão disputar o 3º lugar da competição no mesmo dia da final, no Spartak Stadium.

Escrito por: Thomas Mendes

Editado por: André Blayer

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s