A estreia da (nova) Alemanha na Taça das Confederações 

No terceiro dia da Taça das Confederações, foi a vez da campeã mundial em título, a Alemanha (embora um pouco irreconhecível), entrar em campo frente à Austrália. Esperava-se uma partida confortável para os germânicos, não fosse a ousada convocatória de uma espécie de seleção sub-23 complicar um pouco as coisas logo no primeiro jogo da competição.

A Alemanha entrou em campo com o seguinte onze: Bernd Leno, Jonas Hector, Mustafi, Rüdiger, Joshua Kimmich, Sebastian Rudy, Leon Goretzka, Lars Stindl, Julian Brandt, Draxler e Sandro Wagner. Cedo mostrou-se que uma das maiores potências mundiais queria assumir o controlo do jogo com o golo madrugador da Alemanha, logo aos 5 minutos, apontado por Lars Stindl. Várias bolas perdidas pelos germânicos, principalmente no meio campo, fizeram com que a formação campeã mundial consentisse o empate aos 41 minutos, após um tento do australiano do Celtic de Glasgow, Tomas Rogic, com correspondente “frango” de Leno.

No entanto, quando todos anteviam o empate ao intervalo, Julian Draxler, do Paris Saint-Germain, talvez a maior estrela desta “jovial” seleção alemã, concretizou uma grande penalidade aos 44 minutos. No segundo tempo, assim como no primeiro, a Alemanha entrou a matar, com pressão muito alta e, após assistência de Kimmich, Leon Goretzka (Schalke 04) ampliou a vantagem germânica para 3-1, aos 48 minutos. Para fechar o placard, Tomi Juric, ponta de lança do FC Luzern da Suíça, reduziu a diferença para 3-2, em mais um grande lapso do guarda-redes alemão. Joachim Löw disse, até, que o guarda-redes do Bayer Leverkusen podia ter agarrado a bola no segundo golo mas que para ele “não tem problema, continua a ser um grande guarda-redes”.

Até ao final do encontro, entraram Timo Werner, Niklas Süle e Emre Can para os lugares de Sandro Wagner, Julian Brandt e Stindl, respectivamente, na seleção alemã. Já na seleção australiana, entraram Robbie Kruse, James TroisiTim Cahill para os lugares de Luongo, Tomas Rogic e Tomi Juric, também respectivamente.

A Taça das Confederações retoma-se amanhã, dia 21, com os jogos Rússia x Portugal e México x Nova Zelândia.

Escrito por: Bruno André

Editado por: Ricardo Marquês

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s