Eleições Núcleo de Antropologia ISCSP – Lista E vs Lista D

Estão a decorrer no ISCSP, segunda, dia 8, e terça, dia 9, as campanhas para as eleições dos Núcleos do ISCSP para o mandato de 2017/2018. O desacordo entrevistou o Presidente da Direção de cada lista candidata ao Núcleo de Antropologia: da lista E e da lista D.

1. Como surgiu a ideia de se candidatarem ao Núcleo?

Lista E: Grande parte da Lista E são alunos que integram o primeiro ano lectivo, pelo que qualquer assunto relacionado com Núcleos de Estudantes era novidade. Começámos a ponderar a ideia de uma candidatura quando, mais para a frente no nosso tempo no Instituto, nos fomos apercebendo do bom trabalho dos Núcleos dos restantes cursos e quisemos, a partir daí, pôr a nossa ideia em prática de maneira a quebrarmos a ideia de que fazemos parte de um curso pequeno e podermos alcançar iniciativas apelativas a todos.

Lista D: Tivemos conhecimento de que se iriam realizar eleições para o núcleo este ano e como o próprio curso detectou alguns pontos que gostaria de ver mudados alguns colegas e eu decidimos avançar com este projecto para que possamos dar uma imagem mais representativa do nosso curso e mostrar tudo o que antropologia tem para oferecer.

2. O que têm, enquanto equipa, que vos diferencia da outra lista?

Lista E: Creio que o que mais nos diferencia é a equipa que temos para o Núcleo. Contamos com uma diversidade imensa de perspectivas, valores e interesses, mas que mantêm o mesmo em comum: a vontade de trabalhar para a valorização da nossa área e uma boa experiência académica com tudo o que a Antropologia e o ISCSP têm para oferecer.

Lista D: Para ser sincera este ano, por pura coincidência, ambas as listas têm propostas muito semelhantes no entanto se quiser apontar algo que nos diferencia é o facto de querermos trabalhar com outros cursos. Acredito que a equipa que está envolvida na Lista D tem o que é preciso para suceder no mandato de 2017/2018 no NANT.

3. Qual a vossa principal novidade para o núcleo do vosso curso?

Lista E: A principal novidade do nosso núcleo será a 1ª edição da Semana da Antropologia. Tivemos um ano muito parado no que toca à divulgação do nosso curso e à fomentação da proximidade e convívio entre todos os alunos, pelo que uma semana que consiga reunir um pouco de tudo é o ideal.

Lista D: Não sei se se pode considerar uma novidade mas queremos investir na parte académica, tal como, a foto do mês e o museu do mês para mostrar algumas das vertentes do nosso curso. Para além da parte académica queremos investir também na diversão e interação dos e com os alunos.

4. Quais as vossas 3 principais medidas?

Lista E: Por comparação, considero que todas as nossas medidas vão ser importantes no ano lectivo que se segue. Mas podemos dizer que as principais são a criação de serviços permanentes, como gabinete de apoio de aluno, onde pretendemos ajudar seja online seja presencialmente tanto os alunos recém chegados, como os recém-licenciados e claro, entre um período e outro; a criação de um banco de apontamentos e a aposta na dinamização de Antropologia Visual, com o workshop de fotografia com incidência no método etnográfico.

Lista D: A participação no Encontro Nacional de Estudantes de Antropologia, é algo que o curso tem vindo a mostrar interesse, a renovação de imagem do NANT pois como esta é uma lista nova queremos diferenciar, o máximo possível, toda a campanha e, se assim acontecer, o mandato 2017/2018 dos mandatos anteriores e por fim mas não menos importante implementar uma Drop Box do NANT e para o NANT onde todos os alunos do curso possam ter acesso não só a apontamentos disponibilizados por alunos de anos anteriores mas também documentos e artigos que possam contribuir para o seu conhecimento e curiosidade.

5. Descrevam, em 75 palavras no máximo, a vossa lista.

Lista E: Somos uma lista focada ao máximo nos alunos de Antropologia, com o objetivo de potencializar o percurso académico de todos com interações novas, a nível científico e a nível de pessoal. Queremos ajudar na formação académica e na preparação para o mundo profissional, com um conjunto de propostas essenciais para fortalecer a relação entre alunos, docentes e instituto. Escolhemos o melhor para os alunos, com uma equipa produtiva, enriquecedora e eficiente.

Lista D: A lista D é uma lista feita por alunos e para os alunos de antropologia no âmbito de poder oferecer aos mesmos todas as potencialidades que o curso tem para dar. É uma lista realista e objectiva que apenas se compromete com o que sabe que pode cumprir.

Artigo de: André Blayer e Rita Rogado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s